Início > Internacional, Represão na Rede > Blogueira proibida de deixar Cuba

Blogueira proibida de deixar Cuba


A cubana Yoani Sánchez, responsável pelo blog Generación Y, postou nesta quarta-feira um protesto quase cifrado em sua página depois de ter sido impedida de sair do país para receber o prêmio Maria Moors Cabot, concedido pela Universidade de Columbia (Estados Unidos).

Esta é a quarta vez em que Sánchez tem sua saída de Cuba vetada pelas autoridades locais. Na sua postagem de hoje, intitulado “Lecciones de biología” (“Lições de Biologia”, em tradução livre), a blogueira exibe uma fotografia do escritório de Imigração cubano.

“Máquinas de bypass que se desligam, prantos de bebê que ressonam. Sinais que caem sobre as folhas para negar e censurar; kilobytes que levam minha voz pela Internet sem necessidade de me mover. Alguém que me olha carrancudo enquanto fala pelo walkie-talkie do controle”, diz uma versão do blog de Sánchez traduzida para o português.

“Um pássaro chamado Twitter me alça entre suas patas. Escritórios com gente uniformizada que confirma ‘você não pode viajar no momento’, se bem que já estou a milhares de quilômetros daqui, nesse mundo virtual que eles não podem compreender nem cercar”, termina o lacônico comentário de hoje no Generación Y.

O marido de Sánchez, Reinaldo Escobar, disse à Agência Efe na segunda-feira que a blogueira tinha planejado viajar para os Estados Unidos para receber o prêmio Maria Moors Cabot, mas uma funcionária do Governo cubano informou a ela que não tinha permissão para sair da ilha.

Sánchez, de 34 anos, foi convidada para a cerimônia de premiação na Escola de Jornalismo da Universidade de Columbia, marcada para hoje em Nova York.

“Ela expôs à funcionária que queria que lhe explicassem quais eram os motivos, por que lhe negavam a saída do país, mas só foi informada de que não teria a permissão por enquanto”, disse Escobar.

Sánchez levou à entrevista fotocópias das negativas anteriores e mostrou o convite da Universidade de Columbia e outro que recebeu do Senado brasileiro para uma conferência e a apresentação de seu livro. O jornalista Merval Pereira, colunista do jornal carioca O Globo, também recebeu o prêmio Maria Moors Cabot neste ano.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: