Início > Inclusão Digital, Nacional > Internet via satélite acelera desenvolvimento do Amazonas

Internet via satélite acelera desenvolvimento do Amazonas


Quatro municípios já integram a rede e mais de 80 mil pessoas já acessam a internet para atividades relacionadas a serviços do Estado e também educacionais.

O interior do Estado do Amazonas pode não estar tão longe e isolado assim. Já está em operação em quatro dos 61 municípios do Estado, o projeto Amazonas Digital, que leva a tecnologia wireless para acesso à internet. Esta tecnologia, fornecida pela HUGHES e pela PRODAM, para a SEPLAN – Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico do Estado deve proporcionar, até o final deste ano, internet para cerca de 75% da população.

O projeto vai formar uma rede municipal de comunicação conectada via satélite com a capital Manaus. O objetivo é modernizar o governo estadual e democratizar o acesso à internet. Segundo a SEPLAN, cerca de 80 mil pessoas já estão acessando a internet por este serviço nas cidades de Manacapuru, Tabatinga, Tefé e Itacoatiara.

A iniciativa prevê a iluminação de todos os municípios com sinal sem fio de internet que chegará via satélite e será retransmitido via WiMAX. A instalação teve início pelos municípios mais populosos, depois serão atendidos aqueles com maior potencial turístico. O objetivo deste projeto é facilitar a implantação dos processos de modernização do governo estadual, democratizar o acesso aos dados do Estado e facilitar a comunicação dos municípios entre si com a capital.

“Nós governamos um Estado imenso, que possui dimensões continentais e essa tecnologia vai ser muito útil. Por meio dela, teremos plena governabilidade em todo o território amazonense e isso facilitará o controle e a tomada de decisões em todas as áreas, seja saúde, educação, segurança pública e até mesmo o controle ambiental”, ressalta o governador do Amazonas Eduardo Braga.

Os benefícios educacionais e informativos que a internet está proporcionando já se materializaram, uma vez que entre os conteúdos mais acessados estão os serviços fornecidos pelo Estado, como inscrições em concursos, consultas a CPF entre outros. A utilização da internet como fonte de pesquisa para atividades escolares é outro grande foco de interesse da população.

Em Tefé, a internet já proporcionou a redução de custos para a população, pois os serviços oferecidos são gratuitos, afirma Frank Queiroz, diretor da Câmara Municipal da cidade.  “Além dos 80 funcionários e 10 vereadores com acesso a internet, a cidade terá, ainda esse ano, um centro de atendimento ao cidadão, com serviços jurídicos e atendimento especial a mulheres e idosos. Esse telecentro irá facilitar a rotina de trabalho da Câmara,” afirma Queiroz.

Já em Maracapuru, o governo montou um telecentro com 10 computadores para atender a população diariamente e sem nenhum custo. “A demanda é bastante intensa. Já chegamos a ter 100 usuários num único dia e já existe espera em algumas ocasiões”, explica o coordenador do telecentro, Arnaldo Costa Campos.

As imensas possibilidades da internet via satélite entusiasmam o governo. “Poder levar a conectividade aos municípios foi uma ótima surpresa. Com certeza, este acesso está ajudando muito no crescimento do Estado” afirma o governador Eduardo Braga. Este entusiasmo também é reforçado pelo diretor da SEPLAN, que destaca a usabilidade como aumento considerável no desenvolvimento econômico do estado e da população do Amazonas.

Amazonas Digital

O projeto teve início no final de 2008, com o contrato firmado entre a HUGHES e a PRODAM – Empresa de Processamento de Dados do Estado do Amazonas. A iniciativa prevê a iluminação de todos os municípios do interior do Estado com sinal sem fio de internet, que chegará via satélite e será retrasmitido via WiMAX. O cronograma prevê que toda a instalação seja concluída em 36 meses. Na primeira fase, 15 municípios receberão a infraestrutura prevista, o que inclui rede wireless conectando os órgãos públicos, um telecentro com 10 computadores e um hotspot.

Além dos moradores dos 61 municípios que receberão essa tecnologia, órgãos e secretarias municipais e dos Governos Estadual e Federal e os pequenos empresários da região também serão beneficiados, pois os serviços públicos poderão ser disponibilizados online.

  1. 16 de novembro de 2009 às 6:19 PM

    “SOCOROOOOOOO” EM MANICORÉ AMAZONAS NOS JA TEMOS O SINAL DE INTERNET GRATIS DO GOVERNO.
    MANICORÉ PEDE JUSTIÇA POIS O PREFEITO EM EXERCICIO (MANOEL DE OLIVEIRA GALDINO)BLOQUEOU O SINAL, FICOU RESTRITO SOMENTE PARA A PREFEITURA. PORFAVOR NOS AJUDEM. TOMEM PROVIDENCIA A ESSA INJUDTIÇA OBRIGADO DO POVO DE MANICORÉ.

  2. 27 de dezembro de 2009 às 11:19 AM

    isso é verdade

    o sinal está bloqueado so os setores do governo e seus funcionários podem usar

    o ki está acontecendo seu governador?????

    os projetos so favorecem o governo

    fala serio

  3. George Tavares
    12 de março de 2010 às 12:50 AM

    Isso é coisa para inglês ver, em Parintins há muito tempo se promete isso, funciona apenas no festival, 3 dias por ano. No restante do ano dizem estar em manutenção…

    Em Manaus amazonino prometeu os tais dos caminhões com internet, até agora não cumpriu suas promessas (como se fosse novidade).

    Que coisa!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: