Início > Inclusão Digital > Minicom retoma nesta terça-feira o pregão dos Telecentros

Minicom retoma nesta terça-feira o pregão dos Telecentros


O Ministério das Comunicações retoma nesta terça-feira (27) às 14h30, a sessão do pregão eletrônico 27/2009, na qual a empresa Digibras foi a melhor colocada na disputa de preços para fornecimento de 15 mil kits de telecentros de inclusão digital. O pregão teve início no último dia 21 e o Minicom, pelo menos na parte referente aos equipamentos de informática, obteve um desconto de 40,4% no preço estimado em edital, que era de R$ 321,6 milhões. A Digibras apresentou uma proposta de R$ 191,4 milhões.

A segunda colocada no certame foi a Positivo Informática S/A, vencedora do último pregão do ministério realizado no início de 2008, quando o ministério comprou 5.996 kits de telecentros. Até hoje o Ministério das Comunicações não apresentou oficialmente algum relatório que possa comprovar o bom andamento da instalação e o funcionamento correto desses telecentros em escolas públicas e/ou prefeituras.

Procurado pelo portal Convergência Digital para fazer um balanço do projeto, quando lançou o segundo edital ainda na fase de consulta pública, o “Coordenador de Projetos Especiais do Ministério das Comunicações, Carlos Paiva, se negou a dar explicações. Por meio da Assessoria de Imprensa, entretanto, o “Coronel Paiva”, como é chamado dentro do Ministério das Comunicações, alega que até setembro deste ano o ministério instalou “5.996 telecentros em cidades espalhadas em cada um dos 27 Estados brasileros, além do Distrito Federal. Deste total, 4.454 já estão montados”. Também informa que o Ministério das Comunicações gastou R$ 134 milhões.

“Aditivos”

No pregão de 2008, a Positivo Informática venceu o certame por R$ 87 milhões, desbancando a Diebold Procomp no Preço que ficara acima de R$ 100 milhões. Curiosamente depois de assinar o contrato com a Positivo, o ministério aditou o contrato e elevou o seu valor para R$ 134 milhões. As razões para esse aumento, não previsto em pregão, nunca foram devidamente esclarecidas pelo Ministério das Comunicações.

Nos próximos 15 dias o órgão pretende realizar os testes de conformidade nos computadores e nos sistemas da Digibras. Somente após a fase final desses testes é que será conhecido o verdadeiro vencedor.

Na parte referente aos equipamentos de informática e telecomunicações, o Ministério das Comunicações pretende adquirir os seguintes volumes:

Estação de trabalho – 150 mil computadores
Roteadores Wireless – 15 mil
Estabilizador – 165 mil
Câmera de Segurança – 15 mil (A Positivo somente venceu nesse item)
Impressoras – 15 mil
Servidores – 15 mil computadores

Total – 375.000 equipamentos.
Custo estimado em edital: R$ 321.648.750,00.
Custo obtido pelo pregão: R$ 191.400.000,00.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: