Início > Equipamentos, Ferramentas de Comunicação > Governo dos Emirados Árabes diz que aplicativos do BlackBerry representam risco para a segurança nacional

Governo dos Emirados Árabes diz que aplicativos do BlackBerry representam risco para a segurança nacional


Com cerca de 20% de participação no mercado global de smartphones, ficando atrás apenas da Nokia, os smartphones da RIM estão sendo considerados aparelhos de risco para a segurança dos Emirados Árabes Unidos. De acordo com a agência de regulação de telecomunicações do país, certos aplicativos do BlackBerry permitem que as pessoas façam uso indevido do aparelho, causando sérias repercussões sociais e o aparelho estaria operando “além da jurisdição da legislação nacional”.

Em abril, o governo já havia feito um alerta contra o uso do BlackBerry Messenger para distribuição de notícias locais, o que causou comoção na associação Repórteres Sem Fronteiras, que considerou o alerta como um ato de censura.

A RIM teme que  com a atitude dos Emirados Árabes, que disse estudar maneiras para resolver a questão e proteger os consumidores, outros países do Golfo Pérsico também adotem medidas para redução no uso de certos aplicativos do BlackBerry.

Ao mesmo tempo que o país tenta se estabelecer como centro internacional de negócios, o controle do fluxo de informações ainda é grande, com censores em sites e outros meios de comunicação para banirem qualquer informação considerada prejucial para a segurança nacional ou para os valores morais.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: